Depressão e esperança: versículos selecionados

Alegria e esperança no Senhor
Sl 33.20, 21 – Nossa alma espera no SENHOR, nosso auxílio e escudo. Nele, o nosso coração se alegra, pois confiamos no seu santo nome.
Sl 39.7 – E eu, Senhor, que espero? Tu és a minha esperança.
Sl 59.16 – Eu, porém, cantarei a tua força; pela manhã louvarei com alegria a tua misericórdia; pois tu me tens sido alto refúgio e proteção no dia da minha angústia.
Sl 62.5 – Somente em Deus, ó minha alma, espera silenciosa, porque dele vem a minha esperança.
Sl 94.19 – Nos muitos cuidados que dentro de mim se multiplicam, as tuas consolações me alegram a alma.
Jr 17.7 – Bendito o homem que confia no SENHOR e cuja esperança é o SENHOR.
Fp 3.1 – Quanto ao mais, irmãos meus, alegrai-vos no Senhor.
Fp 4.4 – Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos.
1Ts 5.16 – Regozijai-vos sempre.

Alegria e esperança na lembrança
Sl 126.3 – Com efeito, grandes coisas fez o SENHOR por nós; por isso, estamos alegres.
Lm 3.21 – Quero trazer à memória o que me pode dar esperança. As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade. A minha porção é o SENHOR, diz a minha alma; portanto, esperarei nele.
Rm 15.4 – Pois tudo quanto, outrora, foi escrito para o nosso ensino foi escrito, a fim de que, pela paciência e pela consolação das Escrituras, tenhamos esperança.

Alegria e esperança na obediência
Jo 15. 10, 11 – Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; assim como também eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e no seu amor permaneço. Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo.

Alegria e esperança na oração
Jo 16.24 – Até agora nada tendes pedido em meu nome; pedi e recebereis, para que a vossa alegria seja completa.

Alegria e esperança nas provações
Rm 5. 3-5 – Gloriamo-nos na esperança da glória de Deus.  E não somente isto, mas também nos gloriamos nas próprias tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança, e a perseverança, experiência; e a experiência, esperança. Ora, a esperança não confunde, porque o amor de Deus é derramado em nosso coração pelo Espírito Santo, que nos foi outorgado.
Rm 12.12 – Regozijai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, na oração, perseverantes.
Tg 1.2-4 – Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança. Ora, a perseverança deve ter ação completa, para que sejais perfeitos e íntegros, em nada deficientes.

Alegria e esperança: dons do Espírito
Rm 14.17 – Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.
Rm 15.13 – E o Deus da esperança vos encha de todo o gozo e paz no vosso crer, para que sejais ricos de esperança no poder do Espírito Santo.
Gl 5.22 – Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade.

Alegria e esperança na obra de Cristo e no futuro com Ele
1Co 15.19 – Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens.
1Pe 1.8, 9 – Jesus Cristo; a quem, não havendo visto, amais; no qual, não vendo agora, mas crendo, exultais com alegria indizível e cheia de glória, obtendo o fim da vossa fé: a salvação da vossa alma.
1Pe 4.13 – Alegrai-vos na medida em que sois coparticipantes dos sofrimentos de Cristo, para que também, na revelação de sua glória, vos alegreis exultando.
1Jo 1.3, 4O que temos visto e ouvido anunciamos também a vós outros, para que vós, igualmente, mantenhais comunhão conosco. Ora, a nossa comunhão é com o Pai e com seu Filho, Jesus Cristo. Estas coisas, pois, vos escrevemos para que a nossa alegria seja completa.