Edward Welch. Lado a lado

Relacionamentos com sabedoria e amor Todos precisam da ajuda sábia de um amigo. Neste breve livro, Edward Welch oferece orientação prática para todos os cristãos que querem desenvolver suas habilidades de ajuda, caminhando ao lado de outras pessoas. Escrito a partir da convicção de que os amigos são os melhores ajudadores, Lado a Lado tem … Continuar lendo Edward Welch. Lado a lado

Edward Welch. Hábitos escravizadores

Os hábitos fazem parte do nosso dia a dia. Os bons hábitos nos ajudam, enquanto que os maus hábitos -- por exemplo, responder antes de ouvir bem o que a outra pessoa está dizendo -- prejudicam-nos nas diversas áreas da vida. Mas o que dizer dos hábitos escravizadores? Eles são mais comumente identificados na nossa … Continuar lendo Edward Welch. Hábitos escravizadores

Vá devagar em caso de Déficit de Atenção/Hiperatividade!

Desatenção, inquietude e impulsividade – elas causam dificuldade no cotidiano de muitas pessoas, não só na infância e adolescência, mas também na idade adulta. Todos nós conhecemos aquela criança “avoada” e “estabanada”, que se mexe o tempo todo e para quem seguir regras e respeitar limites parece algo fora de cogitação, ou então aquela pessoa … Continuar lendo Vá devagar em caso de Déficit de Atenção/Hiperatividade!

Edward Welch. Depressão

A tenebrosa noite da alma Em seu artigo Palavras de esperança para aqueles que lutam com a depressão, Edward Welch ofereceu inicialmente uma descrição daquilo que chamamos de “depressão”. Ela é chamada tecnicamente de depressão, apesar de não podermos expressá-la em uma só palavra. Você se sente entorpecido, mas ao mesmo tempo sua cabeça dói; sente-se vazio, … Continuar lendo Edward Welch. Depressão

O “psicológico” existe?

Edward Welch Os ingredientes do psicológico certamente existem. Eles estão entre os aspectos mais importantes e interessantes da nossa vida interior, que inclui padrões de pensamento, personalidade, emoções e motivações pessoais. Mas o reservatório conceitual que os reúne – o psicológico – seria de fato uma categoria real e útil, ou desnecessária e inútil para a compreensão do ser … Continuar lendo O “psicológico” existe?