Ajustando o foco de uma mente conturbada

IMG_7510-8

Julie Ganschow

Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento.  Filipenses 4.8

Aqueles que costumam passar pelo meu blog regularmente, sabem que acredito em como um coração transformado resulta em uma vida transformada.  A definição bíblica de “coração” compreende a vontade, a alma, a crenças, os desejos, a mente e seus pensamentos.

Filipenses 4.8 nos instrui a pensar ou meditar no que é verdadeiro.  Verdadeiro, é algo que é real e autêntico. É algo que se pode provar. Você costuma investir seu tempo pensando sobre coisas que são verdadeiras ou reais? Ou você se pega meditando em pensamentos como estes:

— Eu não fui realmente perdoado.

— Acho que não sou cristão.

— Deus não sabe o que está acontecendo.

— Deus não vê o que está acontecendo comigo.

— Deus não entende como eu me sinto.

— Deus não vai fazer algo por mim.

— Deus não cuida de mim.

As pessoas que lutam com ansiedade, medo, preocupação ou depressão, muitas vezes me dizem que elas têm pensamentos como estes.

A Palavra de Deus nos diz que Deus vê tudo o que acontece na terra: “O Senhor olha dos céus; vê todos os filhos dos homens” (Salmos 33.13).

Deus está familiarizado com nosso sofrimento e nossa miséria (Isaias 53.3). Ele não abandona Seus filhos (Hebreus 13.5a). Ele cuida (1Pedro 5.7) e Ele realmente nos entende (Hebreus 4.15).

Uma maneira de combater os pensamentos errados é encontrar na Palavra de Deus versículos que vão de encontro a esses pensamentos equivocados e pecaminosos, e aos sentimentos que você tem em decorrência deles. Gostaria de encorajá-lo a escrever os versículos e decorá-los. Você tem que renovar sua mente com a verdade (Romanos 12.2) e substituir seus pensamentos incorretos porque são eles que o levam aos seus sentimentos.

Escolha trabalhar com aquilo que é real em vez de se preocupar com o que voce não sabe se é verdadeiro.  As únicas coisas com as quais você pode lidar, ou para as quais pode esperar alguma mudança, são as coisas reais e verdadeiras. Voltando à lista acima, se é verdade que você não aceitou a Cristo pela graça, mediante a fé, então seu medo e ansiedade são reais, você não foi perdoado e está em perigo. Entretanto, se você está em Cristo, e “sente” que você não foi perdoado por causa de algum pecado terrível (real ou imaginário), você não está pensando corretamente.

Siga avante com determinação, deixando de ser um prisioneiro do passado. Quero encorajá-lo a não ficar preso ao passado, remoendo repetidamente os fatos passados. Não é útil para você ficar pensando em como a vida seria diferente se você tivesse agido de outra forma. Não se torture com esse tipo de pensamento!  Ao invés de ser um escravo dos seus sentimentos, creia nas verdades da Palavra de Deus sobre o perdão e naquilo que Deus faz com o pecado perdoado. Sem dúvida, aprenda com seus erros do passado e com as consequências de seu pecado – mas não viva no passado!

Se você quer renovar sua mente, memorize a Palavra de Deus (não é algo opcional), medite na Palavra de Deus e obedeça à Palavra de Deus. Coloque em prática o que você tem aprendido. E se você assim fizer, você estará a caminho de uma vida mental saudável, que glorifica a Deus e lhe traz a paz.

________________________________________

Original: Focusing on your troubled mind — Biblical Counseling for Women
Tradução: Cláudia Sacchetto

Um comentário sobre “Ajustando o foco de uma mente conturbada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s