Mary Beeke. A lei da bondade

Servindo com o coração e com as mãos

Resenha por Bianca Bonassi Ribeiro

Crescendo em bondade
O livro de Mary Beeke A lei da bondade: servindo com o coração e com as mãos tem como objetivo servir de apoio a todos que desejam ideias para operacionalizar a bondade. Trata-se do primeiro livro de Mary Beeke, esposa do pastor Joel Beeke, autor de diversos livros e que contribuiu escrevendo o capítulo cinco destinado aos maridos.

Ao todo o livro foi estruturado em cinco blocos temáticos. O primeiro deles, a introdução, apresenta os motivos que impulsionaram Beeke a escrever sobre o tema. Ela também aproveita esse momento inicial para demonstrar gratidão pela bondade de várias pessoas em sua vida e durante o período em que esteve envolvida com a autoria do livro. Na sequência, Beeke dividiu o livro em três partes:

  • Parte 1: Uma análise da bondade – três capítulos que analisam a bondade tanto no contexto secular quanto no bíblico e ao final apresenta qual deve ser a motivação para a prática da bondade. Logo, a exemplo de Cristo, a bondade deve ser praticada com intenção altruísta ao invés de egoísta.
  • Parte 2: A bondade aprendida – seis capítulos cujo enfoque é aprender, ensinar e praticar a bondade em áreas bem específicas. No lar, a bondade da esposa, do marido e na criação dos filhos. Na sociedade, partindo do ambiente escolar na função do professor e no contexto infantil e adolescente, com direito a um capítulo inteiro sobre Bullying.
  • Parte 3: A bondade em ação – quatro capítulos sobre as diferentes maneiras de praticar a bondade. Ela deve começar na mente, com pensamentos bondosos que culminam na prática, por meio das palavras e ações variadas.

O Apêndice 1 é direcionado às mães de crianças pequenas.
O Apêndice 2 propõe questões para estudo de cada um dos capítulos anteriores.

Considero A lei da bondade um livro de apoio justamente pelo fato de ter sido dividido em blocos temáticos. Entretanto, isso não desmerece o livro. Pelo contrário, ele pode ser uma ferramenta útil a todos que atuam direta ou indiretamente com aconselhamento bíblico. Trata-se de um livro para se ter à mão sempre que necessário, um auxilio em casos específicos.

Os capítulos 4 e 5 sobre esposa e marido bondosos são muito bons e aqui vale o crédito também para Joel Beeke, marido de Mary Beeke e autor do capítulo 5. Os capítulos 10, 11 e 13, bem como o apêndice, acredito que foram os que mais me desafiaram no sentido de estimular meus pensamentos e atos de bondade diante da variedade da criação de Deus. Nesse sentido, termino citando um trecho do próprio livro de Mary Beeke, no intuito de desafiar o leitor.

A criação de Deus está abarrotada de variedade: insetos que piscam, escavam e voam; aves que voam, andam e nadam; peixes que nadam, mergulham e saltam; animais que saltam, escavam e mordem; plantas que desabrocham, florescem e alimentam-se. E todas essas coisas apresentam-se numa impressionante variedade de cores, formas e tamanhos. A variedade realmente é o tempero da vida.

Essa mesma diversidade é vista nos seres humanos […] Que incrível variedade de tamanho, cores e características físicas nós temos! Nossa personalidade acrescenta ainda mais variedade a essa diversidade. Além disso, temos experiências diferentes, que nos moldam e fazem de nós aquilo que somos. E como é o quadro geral? Milhões de indivíduos únicos, todos projetados pelo mesmo Criador.

O que isso tem a ver com pensamentos bondosos? Isso significa que, sempre que interagirmos com os outros, ou simplesmente os observarmos, a nossa premissa básica deve ser: “Eis aí uma outra variação do ser humano. Ele percebe as coisas e age de forma diferente de mim. Mas Deus criou tanto um como outro. Ambos somos pecadores que precisam ser salvos. Ele vale tanto quanto eu, e eu amo o meu próximo como a mim mesmo. A diversidade da criação de Deus é bela e interessante”. E somente a partir desse ponto poderemos começar a fazer interpretações (p. 151)


Ficha Técnica
Autor: Mary Beeke
Título: A lei da bondade: servindo com o coração e com as mãos
Título original: The Law of Kindness – serving with heart and hands
Editora: Fiel
Páginas: 240
Data de publicação: 2011

Mary Beeke é esposa do Dr. Joel Beeke e mãe tês filhos. Trabalhou como enfermeira e professora de ensino fundamental. Obteve certicado de competência na área de de ciência de Aprendizagem no Calvin College.


No site da Editora Fiel é possível ler um trecho do livro.

A Editora Fiel disponibiliza também o vídeo de uma palestra de Mary Beeke: Bondade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s