#03 – Como o Evernote pode ser útil para o conselheiro bíblico

O Evernote é um aplicativo versátil: ele permite criar e coletar material, organizar, pesquisar, compartilhar qualquer tipo de arquivo, a partir de qualquer dispositivo ou plataforma, e com perfeita sincronização. Ele pode ser útil em vários aspectos do dia a dia, mas enfatizamos aqui alguns usos relacionados ao aconselhamento.

Para os iniciantes

Na verdade, o Evernote é muito mais do que um aplicativo de notas. Não se assuste! Não queira testar todos os recursos e montar a estrutura perfeita de uma só vez! A recomendação é que você inicie devagar e vá descobrindo a sua potencialidade enquanto, aos poucos, você monta a estrutura mais adequada para você. O próprio Evernote preparou um conjunto de tutoriais e mantém um blog com ótimas dicas e um canal oficial no Youtube com vídeos explicativos.

Criar e coletar

Você pode criar notas de texto, listas, notas de voz ou tirar uma foto e salvar em uma nota, adicionar arquivos nos mais variados formatos, guardar conteúdo diretamente de uma página da internet ou de um e-mail. Visto que vivemos no mundo da tecnologia, mas ainda lidamos com papel, podemos facilmente digitalizar também as anotações em papel e reuni-las no Evernote. Aqui estão as explicações para criar: notas de texto, tabelas, captura da internet, gravação de voz, foto, desenhos e escritas a mão (iOS) ou (Android)digitalização de documentos em papel.

Se para manter sua organização você gosta de usar um diário em tópicos, também conhecido como bullet journal, há como fazê-lo no Evernote. O sistema consite em usar um caderno para incluir tarefas e listas, fazer planejamentos mensal e semanal, manter registros diários, monitorar atividades diárias, estudo ou ministério, entre outras coisas. Aqui estão as explicações detalhadas para manter um Bullet Journal no Evernote.

-1- Dicas para a formação, a organização e o uso da sua coleção de recursos
●  Crie uma lista de livros que você deseja adquirir.
●  Gerencie a sua inteira coleção de recursos.

Catalogue a coleção físicaModelo para catalogação (veja como usar os modelos)
Crie uma nota para cada item da sua coleção. Insira os dados bibliográficos básicos. Coloque imagens da capa e do sumário. Junte as suas anotações de leitura, as fotos de trechos importantes, e tudo mais que você criativamente pensar. O Evernote é capaz de ler imagens, e então as páginas fotografadas tornam-se facilmente pequisáveis.
Coloque um título simples, em formato padrão para todas as notas: “Autor da obra. Título da obra”.
Catalogue a coleção digitalModelo para catalogação
Crie uma nota para cada artigo, vídeo ou áudios q armazenado no se computador. Lembre-se de que é recomendável que você tenha esses arquivos armazenados também em algum serviço on-line, não só pela segurança de poder restaurá-los caso aconteça algum dano no seu disco rígido ou quando você tiver um aparelho novo, mas também para poder acessá-los a partir de vários aparelhos. Uma terceira utilidade é você inserir no Evernote um link para esses arquivos digitais ao catalogá-los.
O Evernote e o GoogleDrive possuem uma integração nativa, com a presença de uma ferramenta interna que permite escolher e inserir um link de arquivo a sua escolha. Os arquivos do seu computador e outros serviços de armazenamento on-line também podem ser inseridos, mas você precisará fazê-lo manualmente.
Quando estiver catalogando e-books guardado no Kindle, pode juntar também as anotações e os destaques que você fez ali – eles estão em https://kindle.amazon.com/your_highlights e você pode copiá-los manualmente ou com o WebClipper.
Forme uma coleção de links para recursos encontrados na internet. O WebClipper do Evernote é a ferramenta certa para isso e ele já inclui um link de referência para a página que você coletou. Ele permite não apenas capturar a URL de um artigo, mas também permite que você salve o texto do artigo, o que potencializa sobremaneira a sua pesquisa e também a certeza de que amanhã aquele conteúdo ainda poderá ser acessado mesmo que a página original não esteja disponível.

-2- Dicas para a sua atuação como conselheiro
 Chave bíblica. Crie uma chave bíblica, abrindo uma nota para cada assunto e reunindo os versículos bíblicos à medida em que você os encontra no seu estudo diário da Bíblia. É possível enviar para o Evernote as notas de aplicativos de leitura da Bíblia como YouVersion e OliveTree.
● Tarefas práticas. Crie modelos de tarefas práticas.
Quando for usar, você pode personalizar a tarefa, a partir de uma cópia da nota, imprimir para entregar ao aconselhado, mandar por e-mail e ainda guardá-las na nota que reúne o acompanhamento do aconselhado.
● Acompanhamento de aconselhados. Mantenha um registro do andamento do acompanhamento de cada aconselhado – Modelo
Crie uma nota para cada pessoa que você está discipulando ou aconselhando. Registre algo que você lembrou entre os encontros e não quer deixar de tratar no encontro seguinte. Faça uma lista das tarefas práticas que você já pediu, das leituras indicadas ou a indicar. Organize e documente cada encontro.
 Grupos de discipulado. Mantenha um registro dos encontros/aulas com o seu grupo de discipulado
Crie uma nota para cada encontro/aula, faça o esboço, coloque link para todos os materiais usados – apresentações imagens, artigos. Se você for repetir com outro grupo, meio caminho já está andado.
 Preparo pessoal. Crie uma lista de verificação das atividades para o preparo de aconselhamentos ou de aulas/encontros de discipulado, e ainda para cada um de seus projetos pessoais de estudo/leitura em andamento.
Lembretes com data.  Crie lembretes com data e integre na sua agenda digital.

-3- Mais dicas para o conselheiro
● Anotação em PDFs – Se a sua conta no Evernote não for premium, o Evernote não permitirá que você anote diretamente os documentos PDFs, mas há uma solução. Uma vez aberto o PDF no Evernote, clique e selecione “abrir com …”, e escolha o visualizador de PDF que você tem instalado no computador – por exemplo, o AdobeAcrobateReader, que permite fazer todo tipo de anotações (tutorial). Quando terminar, salve essa nova versão e ela será sincronizada automaticamente no Evernote. Para aqueles artigos que você deseja usar como tarefa prática para seus aconselhados, mantenha também uma cópia “limpa”, sem anotações.
● Criptografia de conteúdoO Evernote é um aplicativo seguro com verificação em duas etapas. No entanto, ao usá-lo para armazenar dados pessoais ou da sua atividade como conselheiro, você pode querer adicionar uma segunda camada de proteção. O Evernote possui um recurso de criptografia para aplicar nas notas. Para isso, abra a nota que você quer criptografar, selecione o texto, clique com o botão direito do mouse e escolha “Criptografar texto selecionado”. Será pedido que você estabeleça uma senha e uma frase de acesso caso perca a senha. Quando você voltar à nota, o conteúdo protegido não será exibido, mas em lugar dele aparecerá uma caixa de diálogo para você inserir a sua senha.

Organizar

O Evernote permite uma organização eficiente por meio de cadernos e pilhas de cadernos onde as notas ficam guardadas. Cada caderno é uma coleção de notas. Por sua vez, os cadernos podem ser visualmente agrupados em pilhas. Uma das pilhas do seu Evernote pode reunir a sua atuação no “Aconselhamento” – com os cadernos “Aconselhamentos”, “Grupos de Discipulado/Treinamentos”, “Tarefas práticas” etc. — e uma outra pilha deve ser para a sua “Coleção de Recursos” – com os cadernos para cada tipo de recurso (livros, e-books, vídeos etc.) e estes, por sua vez, com as notas para cada item da coleção. Não crie um número excessivo de pilhas, nem de cadernos, pois isso só dificulta a sua organização. Além disso, é possível usar etiquetas, e elas também pode ficar reunidas em pilhas. Você pode ter, por exemplo, etiquetas com os assuntos da coleção de recursos e etiquetas com o ano ou o contexto dos aconselhamentos.

-1- Dicas para a formação, a organização e o uso da sua coleção de recursos
● A função “juntar notas”. Não mantenha mais de uma nota para cada recurso de sua coleção. Se você já tem uma nota para determinado livro de sua coleção, por exemplo, e você encontra na internet uma resenha sobre aquele livro e você a recolhe com o WebClipper, automaticamente o Evernote cria uma nova nota. Para evitar que a resenha fique separada da nota que recolhe todos os dados de catalogação e uso daquele livro, você pode utilizar a funcionalidade “mesclar nota” e elas serão reunidas.
● As etiquetas. Cada nota pode receber várias etiquetas. Isso evita a duplicação de notas e faz com que você rapidamente pesquise todos os itens que contém o assunto desejado. Não existe uma regra padrão para atribuir assuntos, mas aqui estão duas dicas:
– estabeleça etiquetas de acordo com o seu vocabulário e os seus interesses;
– seja consistente no uso das etiquetas. Por exemplo, use sempre “Aconselhamento Conjugal” em lugar de usar algumas vezes “Aconselhamento Matrimonial”.

-2- Dicas para a sua atuação como conselheiro
● O uso de  modelos. Reúna todos modelos ou templates em um caderno “Modelos”. Aprenda a usar no seu dia a dia os modelos. Quando você precisar usar um dos modelos de tarefa prática ou de acompanhamento de aconselhado, por exemplo, clique e escolha ‘Copiar para Caderno…’ Vá ao caderno onde você copiou seu modelo e lá estará a nova cópia para você renomear, editar e usar.
● A função criar link” de uma nota. Ao contrário dos links comuns que abrem uma página no navegador, os links internos do Evernote abrem a nota solicitada sem sair do aplicativo. Por exemplo, você pode colocar na nota de um aconselhado os links para as notas dos livros, artigos, áudios que você planeja dar como tarefa prática, e que estão na sua coleção de recursos.

-3- Mais dicas
●  O caderno @inbox. Chame o seu caderno padrão de @inbox, pois o “@” fará com que ele seja o primeiro da lista, fácil de visualizar. Para ele serão direcionados clips da web e e-mail, caso você não especifique outro caderno, e nele você pode colocar notas rápidas, que precisam de uma avaliação antes de serem movidas para o caderno apropriado, e notas temporárias que logo perderão utilidade e serão deletadas.

Pesquisar

O Evernote tem um sistema de pesquisa eficiente e oferece boas dicas para agilizar a busca. Você pode fazer uma pesquisa simples por palavra, frase, título da nota, etiquetas, e fazer uma pesquisa avançada com a combinação de parâmetros. Pode ainda salvar uma pesquisa, criar um atalho para voltar à pesquisa.

Compartilhar

O Evernote permite várias possibilidades de compartilhar de forma privada ou pública nas redes sociais. Você pode compartilhar cadernos e compartilhar notas.
Mais dicas
● Para um aconselhado ou para um grupo. Você pode compartilhar com um aconselhado, ou com todos os integrantes do seu grupo de discipulado, um inteiro caderno ou uma única nota. O destinatário não precisa ter uma conta do Evernote para poder abrir o material, pois receberá um link para acesso no navegador. Você pode decidir se deseja que a pessoa edite o caderno para colaborar com você e, nesse caso, é preciso que ela tenha uma conta no Evernote.
● A função “criar índice”. Você pode compartilhar com um grupo de estudo materiais para os encontros e pode criar uma nota de sumário das lições ou dos materiais, usando a função “criar índice”. Você pode enviar notificação dessa única nota, e a partir dela as pessoas tem acesso às demais, Mas não esqueça de deixar no seu Evernote todas as notas do sumário no status de “compartilhada” para que elas possam ser abertas pelos outros. Esteja atento para o fato de que quando você gera um índice de notas, essa nota é estática, ou seja, quando você quiser que novos links para notas sejam inseridos nesse sumário, você deve fazer a atualização manualmente.

Integrar

O Evernote App Center é uma espécie de loja de aplicativos que trabalham em conjunto com o Evernote.  Dois destaques para o conselheiro:
● Calendar Connector Cronofy — conecta o Evernote diretamente ao seu calendário para que, sempre que definir um lembrete no Evernote, um evento correspondente apareça em seu calendário.
● GoogleDrive – permite coletar links de conteúdo do GoogleDrive diretamente para o Evernote.

O elefante nunca esquece!

O Evernote guarda tudo o que você criou ou coletou. Periodicamente, porém, é bom que você tenha o hábito de limpar a lixeira e também fazer uma faxina nos cadernos e notas, excluindo aquilo que não é mais necessário. O armazenamento de dados desnecessários prejudica a pesquisa.
Mais dicas
● O caderno de “Arquivo”. Crie um caderno ou pilha de caderno para arquivar, por exemplo, aqueles aconselhamentos ou grupos de discipulado que não estão mais ativos, mas cujas informações você deseja guardar.
 O backup. Mantenha um backup do conteúdo do seu Evernote. Estar seguro nunca é demais!